quarta-feira, 21 de janeiro de 2009

REPÓRTER DA FOLHA DA MANHÃ RELATA A ANDRE PINTO A EMOÇÃO DE ENCONTRAR CAMINHO ALTERNATIVO NO RIACHO DOS MACACOS, NO DELTA DO PARAÍBA DO SUL

A amiga sanjoanense Júlia Maria, repórter experiente do Jornal Folha da Manhã de Campos dos Goytacazes e assessora de imprensa do Hospital Álvaro Alvim, em conversa informal comigo, relatou um inesquescível passeio feito recentemente ao manguezal do delta do Paraíba do Sul, sob a condução do barqueiro Fabiano Magalhães. Júlia disse que o caminho tomado para o interior do manguezal, nem o condutor do barco havia descoberto. Chegando ao local, o silêncio, a paisagem, a contemplação, a reflexão ambiental e acima de tudo, o encontro com DEUS. Assim é o enconto do homem com o manguezal do Delta do rio Paraíba do Sul. Como bloguista, convidei o Jornalista Romildo Guerrante e o fotógrafo Rafael Wallace para fazerem um passeio no Delta sob a condução do barqueiro Baeca. O convite foi Aceito para os próximos dias. Quem são ? Romildo Guerrante - Jornalista que percorreu o rio Paraíba do Sul em 2007, desde sua nascente até a foz relatando as belezas e as causas de degradação do mesmo. A matéria foi publicada na Revista da Alerj, em Dezembro de 2007, nº01 , ano 01. Rafael Wallace - Fotógrafo que percorreu o rio Paraíba do Sul registrando imagens fantásticas da fauna e flora da Bacia Hidrográfica do rio Paraíba do Sul. Tem um click mágico e acima de tudo - Ecológico!.
Veja abaixo a poesia de Manoel Barreto - sanjoanense sapateiro- que editou lindas poesias ambientais como esta do manguezal:
O MANGUE
Tabuleiro boiante, imaginário,
Sombreado pr`um docel nidificado,
Que o passaredo em canto terno e vário,
O ambiente delicia perfumado.
Fofo tapete negro, pontilhado,
Oculta a orla em piscoso e manso aquário,
Onde, ao fundo, o sol, rúbido, espelhado,
Ladeia tremulante monstro sáurio.
Fugaz miragem de crustáceos, viva,
A vista interna foge e surge esquiva,
Encantadoramente primorosa;
Que se poeta a visse, em rima e glória,
Trasladava-te, ó mangue, para a história...
Berço de muita infância esplendorosa!...
São João da Barra, 1942.
UMA OBRA PRIMA!!! Nunca vi nada igual!!!

Um comentário:

Romildo disse...

Grande André, quero ver esse manguezal no delta do Paraíba, sem dúvida. Fiquei sem ver muita coisa por falta de tempo. Quero você como cicerone na viagem. E vamos fazer belas fotos, pode crer.
Abraço
Romildo Guerrante