terça-feira, 29 de dezembro de 2009

REISADO DAS PASTORINHAS RELEMBRA AUTO DE NATAL EM SÃO JOÃO DA BARRA

Prefeitura de São João da Barra

Secretaria de Comunicação Social

Carla Cardoso

23/12/09

REISADO DAS PASTORINHAS RELEMBRA AUTO DE NATAL EM SJB

A montagem do Auto de Natal ‘O Reisado das Pastorinhas – Uma opereta popular’, foi encenado pelo Grupo Teatral Nós na Rua, em São João da Barra, neste domingo, 27 de dezembro, na Praça São João Batista. O musical também vai ser apresentado no Cine Teatro São João entre os dias 06 e 10/01/2010, às 20h30.

A milenar história de Jesus Cristo é contada de maneira alegre e festiva pelo Reisado por meio dos de personagens bíblicos como Herodes, Maria e José e os Reis Magos se juntam a figuras como o Anjo, a Noite, a Lua e a Estrela guia, e até mesmo a personagens característicos regionais como a Cozinheira, a Peixeira, o Preto Velho e a Cigana. Juntos eles cantam e vão recepcionar o Messias na noite de seu nascimento.

O figurino caprichado e as músicas típicas são pontos à parte nessa bela história. ‘O Reisado das Pastorinhas – Uma opereta popular’ é um Auto de Natal herdado dos portugueses. Em São João da Barra, a encenação foi, por muitos anos, encenada nas ruas da cidade, por Mariquinhas Salva e posteriormente por Ucha Moreira, nomes marcantes na história cultural do município.

A idéia da retomada da montagem teve início em 2003, após uma pesquisa realizada por Fernando Antônio Lobato e Jurema Vieira. Com 50 minutos de duração, esta opereta popular marca a estréia da dubla Antônio Carlos e Silvano Motta como diretores de espetáculos musicais promovidos pelo Grupo Teatral Nós na Rua. Os atores cantores fazem participações ao vivo.

— O Reisado é uma manifestação cultural sanjoanense muito antiga, e o grupo Nós na Rua buscou mostrar essa riqueza para a atual geração. Essa antiga tradição era passada de pai para filho, quando o reisado saía pelas ruas da cidade entrando nas casas das pessoas, com músicas e danças. Um Reisado muito popular foi o Reisado de Dona Ucha. Este trabalho é um resgate que evoca ao presépio, ao nascimento do menino Jesus. Mostra a santificação do Messias e o ofertório de cada personagem, nos chamando à atenção para o dom da caridade — explica Silvano Motta, diretor do espetáculo.

3 comentários:

Anônimo disse...

Oi André, realmente foi um espetáculo a parte a nova roupagem do reisado, unindo o teatro a música, mas parece que não haverá as apresentações de 6 a 10 no teatro, sabe informar porque? Lamentamos se não pudermos apreciar tão preciosa obra de Dona Ucha.

Abraços

um admirador

Anônimo disse...

Oi André
Realmente esta Opereta Popular foi um espetáculo a parte, entre tantos grandes eventos, o humilde espetáculo promovido pelo Grupo Nós na Rua, surpreendeu ao público. Uma nova roupagem que fez valer todo o esforço preservado por Dona Ucha.
Ficamos sabendo que não haverão os espetáculos das Pastoras no teatro, sabe informar porque?
Abraços
Um admirador

André Pinto disse...

Prezado internauta, infelizmente não sei dizer o por que da não rtealização do Reisado das Pastorinhas no Cine Teatro. Buscarei a informação com o amigo Silvano Motta, que é um dos diretores.
Abraços
Andre Pinto