segunda-feira, 23 de novembro de 2009

BUTÃO TEM TRADIÇÃO IGUAL À ILHA DA CONVIVÊNCIA, SEGUNDO DIVULGADO NO JORNAL DA RECORD

Foto: Um Grupo de amigos conhecendo as Ilhas da Convivência e do Peçanha, no Delta do rio Paraíba do Sul, local de "raptos consentidos", que existiram por muitas décadas e que deram origem aos "Muxuangos da Restinga". Eleilton Meireles, atual Secretário Municipal de Pesca de São João Barra (de blusa azul e listrada no centro da foto) nasceu na Ilha da Convivência e tem muitas histórias para contar.
Foto: Eleilton Meireles, um arquivo vivo das histórias da mística e paradisíaca Ilha da Convivência, no delta do rio Paraíba do Sul. Crédito da foto: SECOM / PMSJB.
BUTÃO X ILHA DA CONVIVÊNCIA
O Jornal da Record, que vai ao ar todas as noites, está fazendo uma reportagem especial sobre o Butão - o país da alegria - que usa como índice de desenvolvimento a sua própria felicidade. O que chamou a atenção na reportagem desta segunda-feira foi saber que o povo de lá tem a mesma mania que o povo da Ilha da Convivência, localizada no Delta do rio Paraíba do Sul, hoje pertencente à São Francisco do Itabapoana. A questão do "rapto consentido", onde o namorado pula a janela da casa dos pais da namorada, sequestra a "inocente", a carrega para sua casa, se experimentam e em seguida decidem morar juntos, também é um método bastante usado no Butão! É isso mesmo! Butão! "Não estamos sozinhos!", ecoa uma voz de alguém da Ilha da Convivência! Aqui na Ilha da Convivência, que já chegou a ter 400 famílias e hoje se resume a três ou quatro, no máximo, esta iniciativa "consentida" gerou um verdadeiro "celeiro" de Muxuangos da restinga, nome dado ao caiçara típico, único no país, de feições européias e que foi objeto de estudos de escritores como Alberto Ribeiro Lamego - "O homem e a Restinga" e Joaquim Ribeiro, em seu livro "Os Brasileiros". Uma coisa parece ser concreta: não há ligações entre o povo do Butão e o povo da Ilha Convivência, mas deixo a palavra com os sociólogos, antropólogos e... sexólogos, por que não? Foto: Moradia típica da Ilha da Convivência, onde os raptos eram consentidos, há alguns anos atrás. Crédito da foto: Júnior - Teresópolis.

2 comentários:

Anônimo disse...

Eu não gostei muito da materia por que eu não achei a resposta que queria...
Eu quero saber se Butão é uma Ilha ou não?

André Pinto disse...

Peço que o amigo(a) leitor(a) procure ver no google maps, se é ilha ou não, ok?